Tempo para brincar!

Na sala dos frescos acontecem muitas coisas boas e uma das que mais gostamos é a  de ter tempo para brincar!!
Brincamos todos os dias dentro da nossa sala ou no recreio, quando o sol decide aparecer...
Brincamos com alguns amigos ou com muitos amigos, porque brincar é a forma que temos de aprender e crescer de forma saudável!
Querem ver como o fazemos? Venham daí!

Para que todos possam usar as áreas lúdicas da nossa sala, criámos um mapa de atividades para registarmos onde vamos brincar e assim temos noção das nossas áreas lúdicas preferidas (para depois refletir sobre isso ou não)


Este é o nosso mapa de atividades, podem seguir todos os passos para a sua realização aqui.
Nele marcamos as nossas brincadeiras livres na sala...

Comecemos pela área mais procurada: A casinha
A nossa casinha tem um quarto, cozinha e uma lavandaria


Aqui servimos refeições a famílias numerosas ou mais pequenas!


No quarto podemos deitar as bonecas na nossa cama improvisada, que na realidade é uma mesa de escritório que nos ofereceram e que nós virámos de pernas ao ar. Depois usámos a nossa almofada, (que criámos no dia do pijama do ano passada, podem ver tudo aqui) para fazer de colchão, pedimos uns lençóis e uma mantinha e pronto está feita a nossa caminha!


Na lavandaria colocámos a nossa máquina de lavar, um projeto que realizámos com os pais da nossa sala, criámos a nossa máquina reciclando uma caixa de cartão que a mãe do Manuel nos ofereceu,depois recebemos a mãe da Leonor que nos ajudou a construir a máquina! (em breve colocarei  o post desse projeto)

A casinha tem destas coisas, num momento somos nós, outros, somos quem nos apetecer!!
Temos um baú de disfarces que vamos recolhendo das nossas festas de carnaval e desfile primaveril


Também vamos comprando alguns adereços usando as moedas do nosso porquinho mealheiro!
Assim os nossos piratas tomam de assalto a casinha e transformam-na num barco pirata ao estilo do Jack e os piratas na terra do nunca!

No tapete, nascem inúmeras brincadeiras!!!
É aí que brincamos com a caixa de legos e dos animais, então nascem quintas e verdadeiros jardins zoológicos com animais ferozes ou parques jurássicos, pois por vezes andam à solta perigosos dinossauros!!


Aqui aproveitamos para relaxar , comer uma fruta e ouvir um amigo contar uma história. Gostamos de ler usando as imagens dos livros e assim vamos despertando o gosto pela leitura e pela escrita!


Ás vezes depois da sesta enquanto esperamos o lance gostamos de ficar no tapete a ver um filme ou a descansar os olhos...


O tapete é palco também de pequenos teatros que fazemos enquanto exploramos os nossos livros...


Esta é uma das nossas preferidas!
A brincar aprendemos a contar! Sabemos quantos meninos são precisos para ter 10 no sofá!
Depois 1 a 1 os animais vão tomando do sofá até ficar apenas um, que não sai de lá!!

Na garagem fazemos mil viagens todos os dias!


Nas mesas gostamos de explorar os jogos


Temos também a mesa dos computadores onde exploramos letras e números!Em breve vamos aprender a jogar no computador.


Também gostamos do quadro magnético... que podemos usar em cima da mesa...

Ou mesmo no quadro! Podemos explorar as letras sozinhos ou com os amigos


Na biblioteca podemos desfrutar dos livros 


E por fim o recreio||
Adoramos fazer jogos de equipa em especial os jogos tradicionais
como a falua...


ou o jogo do lenço!



Já sabemos organizar estes jogos e fazemos tudo sem ajuda!


Brincamos com o Tomás à bola. Ele gosta de lançar e receber a bola, é uma brincadeira especial para o Tomás!


Gostamos de brincar nos aparelhos do recreio!
No escorrega...


Na casinha...


Nos balançés...


Ou nas árvores!



ÀH, é verdade, também, gostamos muito de ajudar o avô Joaquim nas tarefas da nossa Horta!!


Brincar é importante porque...
esta é uma importante forma de comunicar, é por este meio que a criança pode compreender e explorar as diferentes redes sociais e familiares que a ligam ao meio envolvente. Brincar possibilita o processo de aprender, facilita a construção da sua identidade, edifica a sua autonomia, explora a sua criatividade, o seu raciocínio lógico-matemático, estabelecendo uma relação estreita entre o brincar e o aprender.
Brincar é sem dúvida a atividade mais importante que a criança pode fazer, pois dela nasce a possibilidade de se desenvolver de forma holística. Devemos ressalvar a capacidade de autonomia face aos momentos lúdicos,em que a criança explora regras de convivência social, em que experimenta sentimentos de frustração perante a derrota, em que pode defender o seu ponto de vista perante os seus pares, construindo e afirmando o seu lugar neste grupo de pares. 

Ao brincar a criança resolve conflitos, identifica problemas e encontra soluções (de forma individual ou coletiva), conhece e constrói regras de convivência social e democrática construído-se como um ser social.
O desenvolvimento da todas as áreas de conteúdo acontece a partir do brincar, assim constroi as suas aprendizagens sociais, artísticas, matemáticas, comunicativas e tecnológicas.
Brincar é a atividade preferencial da criança,onde ela se sente mais segura e aberta à construção de novos e sólidos saberes!

Alguma bibliografia interessante:

BAQUERO, Ricardo. Vygotsky e a aprendizagem escolar. Trad. Ernani F. da Fonseca Rosa. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998

Cadernos de Educação de Infância n.º 98 Jan/Abr 13 Brincadeiras sem teto por
Maria José Vale . Educadora de infância. Agrupamento de Escolas de Miranda do Corvo 
CRAIDY, Carmem Maria, org; KAERCHER, Gladis E., org. Educação infantil: pra que te quero?. Porto Alegre: Artmed, 2001.

Revista Maringá Ensina nº 10 – fevereiro/abril 2009.A importância da formação lúdica para professores de educação infantil. Rúbia Renata das Neves Gonzaga. (p. 36-39).

Revista Maringá Ensina nº 10 – fevereiro/abril 2009. Brincar é passa tempo? Elaine Regina Machado. (p.18-19).
Um abraço
Ed. Milena Branco


Tempo para brincar! Tempo para brincar! Reviewed by Milena Branco on quarta-feira, outubro 14, 2015 Rating: 5

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.